VISITE A GALERIA

INSTRUMENTOS À VENDA

CONHEÇA NOSSOS SERVIÇOS

Nossos instrumentos são artesanalmente construídos de acordo com a tradição clássica Cremonese. Construímos, restauramos violinos,violas, violoncelos, contrabaixos e instrumentos barrocos. Utilizamos madeiras nobres como o átiro, abeto, ébano da mais alta qualidade, proporcionando um som rico e brilhante, com excelente desempenho acústico.

RESTAURAÇÃO

Restaurar é muito mais do que parece, não é apenas recuperar os danos que o instrumento venha a sofrer e sim manter todas as características originais criadas pelo construtor, respeitando o desempenho natural que o instrumento oferece como o representante de sua época". Sem duvida o mais complicado trabalho que o artesão desenvolve, requer perícia e habilidade, além de técnica e experiência.

Existem processos de restauração que além de tempo precisam de estudos específicos que variam em cada caso. Um instrumento só deve ser levado a profissionais capacitados para fazerem o trabalho de restauração, pois qualquer trabalho mal feito podem causar danos irreversíveis.

Alguns itens nunca devem ser alteradas em um instrumento, tais como as dimensões, o verniz e a voluta e em instrumentos muito antigos tais como os violinos da era clássica da luteria, as vezes são necessárias mudanças bastante ousadas, como a troca de braço (inesto), troca de barra harmônica (se esta estiver com dimensões barrocas), e outros processos, levando-se em conta a época e a originalidade do instrumento.

AJUSTES DE CAVALETES

O cavalete é uma peça de atiro, cortada longitudinalmente, e entalhada com lâminas, formões, facas e limas. Sobre ele vão as cordas do instrumento, sendo o cavalete o veículo de comunicação entre as cordas e a caixa acústica do instrumento. As formas e as medidas variam muito de artesão para artesão.

AJUSTE DE ALMA

A alma é uma coluna cilíndrica que é colocada alguns milímetros atrás do pé direito do cavalete. A função primordial da alma é a de sustentação do tampo: sem ela o tampo, provavelmente, cederia e quebraria. Nessa função ela funciona da mesma forma que as colunas em uma casa, sustentando o peso do que está acima dela (o tampo). A segunda função, mas não menos importante, é a de aparelho transmissor: a alma comunica as vibrações do tampo ao fundo, fazendo com que ambos vibrem com a mesma freqüência.

CONSTRUÇÃO

Para se fazer um violino, são necessárias mais de setenta partes, diversas madeiras são utilizadas, depois de selecionadas cuidadosamente, levando-se em conta sua resistência e capacidade de transmissão sonora. O abeto é escolhido para o tampo porque é macio e responde bem às vibrações das cordas enquanto o fundo é feito de atiro, madeira mais dura, que ajuda a preservar o violino do desgaste pelo uso. Muitas partes da estrutura do violino são difíceis de serem feitas e exigem um conhecimento profundo de artesãos que são conhecidos como luthiers. Os melhores instrumentos ainda são feitos à mão, tomando-se muito cuidado também com a beleza e o acabamento do produto.

Os instrumentos como o violino dependem da vibração das cordas para emitir som. As cordas vibram quando o arco passa por elas, mas produzem muito pouco som, que só fica suficientemente forte para ser ouvido quando as vibrações passam pelo cavalete para o corpo oco, ou caixa de ressonância do instrumento. Os ouvidos ou ff são os orifícios que ajudam as vibrações geradas no corpo do instrumento a atingir o espaço externo e finalmente nossos ouvidos.

Nossos instrumentos são fabricados com madeiras nobres como o atiro e abeto, com som aveludado, rico no som grave e assim com som agudo suave aos ouvidos de quem escuta. Solicite informações do modelos Guarneri, stradivarius e outros.

ENTRE EM CONTATO COM NOSSO ATELIER E ENCOMENDE SEU INSTRUMENTO.

VEJA ABAIXO O LUTHIER ANTONINILTON CONSTRUINDO UM VIOLONCELLO. CLIQUE NAS IMAGENS PARA AMPLIA-LAS


VEJA ABAIXO O LUTHIER ANTONINILTON CONSTRUINDO UM VIOLINO. CLIQUE NAS IMAGENS PARA AMPLIA-LAS

FORMA DE PAGAMENTO

TELEFONE

(11) 3943-5997 / 3946-4794 - Celular (WhatsApp) 11 - 98658-3416

E-mail

antoniluthier@hotmail.com